Excesso de democracia afeta organização da Copa, diz Valcke

Secretário-geral da Fifa, Jérôme Valcke, espera que seja mais fácil organizar a Copa na Rússia de Putin
O secretário-geral da Fifa, Jérôme Valcke, afirmou nesta quarta-feira durante um simpósio que é mais fácil organizar uma Copa do Mundo em países com menos democracia. Por isso, ele espera ter mais facilidade na Rússia, comandada pelo presidente Vladimir Putin, que organizará o Mundial em 2018.
“Vou dizer algo que é maluco, mas menos democracia às vezes é melhor para se organizar uma Copa do Mundo. Quando você tem um chefe de estado forte, que pode decidir, assim como Putin poderá ser em 2018, é mais fácil para nós organizadores do que um país como a Alemanha, onde você precisa negociar em diferentes níveis”, declarou Valcke.
“A principal dificuldade que temos é quando entramos em um país onde a estrutura política é dividida, como no Brasil, em três níveis: federal, estadual e municipal. São pessoas diferentes, movimentos diferentes, interesses diferentes e é difícil organizar uma Copa nessas condições”, completou o secretário-geral. 
O assunto foi estendido pelo presidente da Fifa, Joseph Blatter, que relembrou sua experiência na Argentina em 1978, quando os anfitriões foram campeões mundiais jogando em casa, durante o regime ditatorial do país. O dirigente disse ter ficado aliviado com o título argentino em meio à tensão política.
“A minha primeira Copa do Mundo com envolvimento direto foi a da Argentina, e eu diria que fiquei feliz com o título dos argentinos. Houve uma reconciliação do povo com o sistema político militar da época. Não sei o que poderia ter acontecido se eles tivessem perdido a final, e foi quase, porque os holandeses bateram na trave nos últimos minutos. O esporte e o mundo mudaram, e essa era a minha impressão na época”, afirmou Blatter.

Valcke diz que “curtiu” hospital e rejeita campanha do CQC para ser presidente do Brasil

O Brasil possui escolas e hospitais de muita qualidade. Pelo menos essa foi a opinião do secretário-geral da Fifa, Jerome Valcke, em entrevista ao CQC exibido na noite desta segunda-feira.
Durante o evento que deu ao presidente da entidade, Joseph Blatter, o título de cidadão paulistano, no último dia 10, Valcke aproveitou o clima festivo da Copa das Confederações e decidiu entrar nas brincadeiras do CQC. Quase sempre sério, o dirigente demonstrou um estilo mais amistoso e conversou calmamente com o repórter Mauricio Meirelles.
Ao longo da matéria, Meirelles pediu para que Valcke solicitasse hospitais e escolas melhores aos governantes brasileiros para só depois começar a Copa do Mundo. Desajeitado, o dirigente sorriu e elogiou as instalações do país.
“Vocês já têm coisas boas, não? Outro dia eu fiquei doente por aqui e fui curtir um hospital no Brasil. Precisamos trabalhar nessa área, mas tenho que dizer que a Copa vai trazer muita coisa boa”, comentou.
O repórter aproveitou o momento e apresentou a Valcke uma placa pedindo para que ele se candidatasse à presidência do Brasil. Um pouco desconcertado, o secretário-geral rejeitou a “campanha” do CQC e afirmou que apoia a presidente Dilma Rousseff.
“Não, eu torço pela Dilma. Eu tenho mais obrigações do que o suficiente. Não me coloque nessa”, concluiu.
 O PAIS PASSA POR UM MOMENTO DE REVOLTA DA POPULAÇÃO, DE PROTESTOS DE REIVINDICAÇÕES POR VÁRIOS ESTADOS. MANIFESTAÇÃO VÁLIDA E DE GRANDE IMPORTÂNCIA, E FINALMENTE O BRASIL ACORDOU JÁ ESTAVA MAIS DO QUE NA HORA DE SAIRMOS AS RUAS E COBRAR, COBRAR UMA EDUCAÇÃO DE QUALIDADE, COBRAR HOSPITAIS DE QUALIDADE, COBRAR UM REAJUSTE SALARIAL,COBRAR UM TRANSPORTE DE QUALIDADE E TUDO O QUE TEMOS DE DIREITO SOMOS UM PAIS DEMOCRÁTICO, MÁS SOMOS GOVERNADOS POR POLÍTICOS CORRUPTOS E SEM NEM UM RESPEITO AO POVO. O PRIMEIRO PASSO FOI DADO O MANIFESTO ESTÁ APENAS COMEÇANDO E AOS POUCOS ” OS LEÕES ADORMECIDOS ESTÃO ACORDANDO ” .
NA MATÉRIA ACIMA O SECRETÁRIO GERAL DA FIFA GERÔME  VALCKE DIZ QUE É MAIS FÁCIL ORGANIZAR UMA COPA EM PAIS EM QUE SEU LÍDER POLÍTICO TEM MAIS AUTORIDADE SOBRE O SEU POVO, TRADUZINDO ELE QUIZ DIZER QUE É MUITO MAIS FÁCIL ORGANIZAR UMA COPA EM PAIS QUEM TEM LÍDER ÚNICO OU SEJA UM DITADOR, IMAGINA AI SE JÁ PASSAMOS POR TANTAS DIFICULDADES SENDO UM PAIS DEMOCRÁTICO, COMO SERIA TER UM LÍDER DITADOR ! 
GERÔME VALCKE AINDA DIZ QUE O BRASIL TEM HOSPITAIS BONS E QUE TORCE PELA PRESIDENTE DILMA. ERA BOM SENHOR GERÔME VALCKE  QUANDO PRECISASSE DE UM HOSPITAL FOSSE A UM HOSPITAL DA REDE PÚBLICA DESSE PAIS, OU QUANDO FOSSE A UM JOGO DA COPA DAS CONFEDERAÇÕES PEGASSE UM ÔNIBUS OU METRÔ, E SERÁ QUE O SENHOR CONSEGUIRIA VIVER COM UM SALÁRIO MINIMO DE 678,00 POR MÊS ? 
GASTAMOS ABSURDOS COM UMA COPA DO MUNDO E AINDA TEMOS QUE OUVIR DE SECRETÁRIO CRITICAS PORQUE A SUA ORGANIZAÇÃO NÃO ESTÁ COMO ELE QUERIA É MUITO DIFÍCIL SENHOR VALCKE TAMPAR O SOL COM A PENEIRA, MÁS É MAIS FÁCIL COMER O PÃO QUANDO O TEMOS PARA COMER ! 
PARABÉNS AO POVO QUE ACORDOU, A SAÚDE EDUCAÇÃO FALA MAIS ALTO !