O que muda no cenário político de Araripina com a retirada da candidatura de Marília Arraes ao governo

O quadro político na cidade de Araripina pode sofrer algumas alterações.

Com a decisão do PT de retirar a pré-candidatura da vereadora Marília Arraes ao governo de Pernambuco para apoiar o PSB, o quadro político também muda em Araripina.

Marília tinha um grupo de lideranças que estavam engajados em sua pré-campanha em Araripina, como é o caso do médico Aluízio Coelho (PSC), que é pré-candidato a deputado estadual e já tinha declarado apoio a Marília. Também o pré-candidato a deputado federal Nunes Rafael (PHS), que já sinalizava o seu total apoio a Marília para Governo de Pernambuco.

Como fica agora?

Dr. Aluízio deve seguir o mesmo caminho do seu partido o PSC, que já está com Armando Monteiro para Governador de Pernambuco. Para o médico não há outra saída. Além disso, Aluízio tem uma boa relação com o Senador Armando, pois já votou nele em 2014 para governo.

O pré-candidato Nunes Rafael também seguirá Armando, visto que o seu partido PHS já faz parte da coligação que o apoia para governador de Pernambuco.

Sendo assim, o quadro se repete ao que aconteceu em 2014, Armando com vários palanques na cidade de Araripina. Primeiro o palanque do prefeito Raimundo Pimentel e a deputado Socorro Pimentel, depois do médico Aluízio Coelho.

Araripina em Foco/eleições 2018/Damião Sousa/Foto: Reprodução