Quer ganhar um ensaio fotográfico para gestante? Compartilhe!

O site Araripina em Foco em parceria com a empresa Excellence Assessória e Fotografia, está sorteando neste natal para você gestante, um ensaio fotográfico. Essa é a sua chance de eternizar as lembranças da gestação de seu bebê, com qualidade e totalmente de graça!

A Excellence Fotografia e Assessoria é uma empresa que atua há 3 anos no mercado, oferecendo o que há de mais moderno e inovador no segmento de fotografia e assessoria em Juazeiro do Norte, toda região do Cariri e nos estados de Pernambuco, Paraíba e Piauí.

A empresa trabalha com um método inovador de fotografia, com um estúdio modular com possibilidade de deslocamento para as cidades, e com uma plataforma interativa de seleção de fotos. Os serviços de fotografia em casamentos, festas de 15 anos, eventos infantis, corporativos, foto lembrança, foto cabine e uma equipe de fotógrafos especializados e experientes prontos para eternizar seus momentos com fotografias de qualidade.

Regras do sorteio;

1º Curtir as nossas Fan Pages:

Araripina em Foco e Excellence

2º Gravida de 7 a 9 meses

3° Compartilhar esta matéria no seu Facebook em modo público:

Só participe se estiver de acordo com as regras do sorteio;

Todas as fotos serão disponibilizadas em mídia. Após o sorteio enviarei o contado da ganhadora para a empresa Excellence que entrará em contato para combinarem o dia do ensaio.

DATA DO SORTEIO: o sorteio inicia hoje dia 20 de dezembro e vai até o dia 26 de dezembro, o resultado sairá no mesmo dia.

 

A Excellence faz a cobertura fotográfica dos seus eventos (casamento, aniversário infantil e adulto, debutante). Solicite seu orçamento sem compromisso no cel: (88) 9 9719-8649

 

Avião militar russo com 93 pessoas cai no mar Negro; não há sobreviventes

Um avião militar russo com 93 pessoas a bordo caiu neste domingo (25) no mar Negro, segundo informações do Ministério da Defesa da Rússia. O governo russo, que descarta ação terrorista como a causa, informa ainda que não há sobreviventes.

A aeronave, um Tupolev 154 no qual viajavam 84 passageiros e 8 tripulantes, desapareceu dos radares cerca de 20 minutos após decolar da cidade de Adler, próxima ao balneário de Sochi, no sul do país. 

As equipes de resgate encontraram destroços do avião a cerca de 1,5 km da costa, a uma profundidade de entre 50 e 70 metros. 

O voo fazia uma viagem de rotina à base aérea russa em Hmeimim, na Síria, vizinha da cidade costeira de Latakia, indicou o ministério. 

O avião transportava militares russos e 68 membros da Alexandrov Ensemble, banda militar que iria participar das celebrações de fim de ano na base russa. Nove jornalistas também estavam no voo. 

Moscou realiza bombardeios na Síria desde setembro de 2015, em apoio ao regime do ditador Bashar al-Assad. (Fonte: Folhapress)

Suspeito por tentativa de estupro de vulnerável é detido na BR 232, no Sertão

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) prendeu um suspeito por tentativa de estupro de vulnerável na noite do último sábado (24), na BR 232, em Salgueiro, no Sertão de Pernambuco. 

O homem, de 40 anos, foi encontrado com uma menina de 11 anos, que afirmou ter sido beijada momentos antes da equipe chegar ao local. Por volta das 22h, os agentes da PRF realizavam uma ronda no quilômetro 507 da rodovia, quando avistaram uma motocicleta parada no matagal, a cerca de 10 metros da pista. Ao chegar no local, os policiais localizaram o homem e a menina, que a princípio disseram que eram parentes.

Mas, logo depois, a menina disse que estavam se beijando e que o homem havia oferecido dinheiro para ela estar ali. Em seguida, o suspeito foi encaminhado à Delegacia de Polícia Civil de Salgueiro e o delegado o autuou por tentativa de estupro de vulnerável.

BNDES fez a liberação de R$1 bilhão para parques eólicos no Piauí e PE

O Complexo Eólico Ventos de Araripe 3, nos municípios de Simões e Curral Novo (Piauí) e no município de Araripina (Pernambuco), receberá R$ 1,043 bilhão do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

Composto por 14 parques, o complexo terá capacidade instalada total de 357,9 MW, energia suficiente para abastecer 1,14 milhão de residências, considerando o consumo médio da Região Nordeste.

O projeto, vencedor do 18º leilão de Energia Nova, 6º leilão de Energia de Reserva e do 20º leilão de Energia Nova Projeto, contribuirá para diversificar matriz elétrica e preservar reservatórios de usinas hidrelétricas

Impacto social
Os investimentos vão gerar até 2,4 mil empregos diretos e indiretos. Com a contratação de empresas locais para prestação de serviços gerais, haverá aumento de renda dos negócios locais e demanda por contratação de mão de obra adicional.

A infraestrutura da região também passará por melhorias, especialmente a renovação e asfaltamento das rodovias, reforços na rede elétrica de transmissão, investimento nas estruturas de saúde e lazer dos municípios.

O apoio do Banco inclui sistema de transmissão associado e contempla subcrédito social, no valor de R$ 5,19 milhões, para investimentos no entorno do projeto, adicionais àqueles exigidos pelos órgãos ambientais.

Parte dos recursos será repassada diretamente pelo BNDES e outro montante, de R$ 570,90 milhões, por meio de agentes financeiros, os bancos Santander e Bradesco. O complexo contará com 156 aerogeradores produzidos pela GE e tem entrada em operação prevista para 2017

Está prevista, ainda, a emissão de debêntures de infraestrutura no valor de até R$ 300 milhões, que comporão uma parcela do valor total do investimento do complexo eólico, de R$ 1,743 bilhão.

Fonte: Portal Brasil, com informações do BNDES

Araripina: “A cidade mais transparente do Araripe”

Foto: Rafael Diniz

Ainda sobre a entrevista do prefeito, da qual quero apenas sintetizar  sobre o que fora exposto pelo chefe do executivo municipal, fica bastante difícil entender como o mesmo disse, que vai resolver o problema dos aposentados, se o Arariprev, o fundo de pensão dos servidores municipais tem um déficit de milhões. E até mesmo porque o seu mandato acaba daqui a cinco dias. Melhor então da maneira mais fácil de ludibriar as pessoas, jogar a culpa na crise e ampliar a questão para o cenário nacional.

Com relação a transparência que o prefeito resolveu comemorar como sendo o protagonista no item na Região do Araripe, é devidamente esclarecedor montantes recebidos por empresas principalmente de locação de veículos apenas com os valores recebidos e pagos expostos publicamente para leigos compreender, se não existem realmente o claro aprofundamento dos serviços que são prestados, onde são prestados por essas empresas, com notas e outros meios que não sejam tão escusos e indiferente para o contribuinte. Mas como o Tribunal de Contas do Estado fez auditoria e comprovou a lisura da transparência administrativa do Governo de Alexandre, fazer o quê?

Entender que o prefeito e sua equipe, assim como as lideranças políticas que o ladeiam, afirmam que nunca se fez tanto em Araripina, prova que é preciso minuciosamente os seus críticos (como esse que vos escreve) captar verdadeiramente a ideia de que um município que parece desprezado pelo poder público, está repleto de obras estruturadoras. Se o excelentissimo gestor diz ter feito muito mais que os seus antecessores juntos, imagino então que esses camaradas não fizeram nada por Araripina. Não entendo.

Sobre a fiscalização das obras que inclusive o prefeito eleito pediu ajuda do CREA, o prefeito Alexandre Arraes além de dizer que o órgão não tem poder para tal, disse em tom desafiador que vai fazer um ofício pedindo para que isso aconteça porque garante que não tem nada para esconder. Bem, está tudo então às claras.

– Pior cego é aquele que não quer ver, disse o prefeito, se referindo ao conjunto de obras, para ele inimaginável que a sua gestão deixou no Município.

Talvez o editor desta coluna precise de bengala.

Sobre os números dos supostos desvios de verbas da educação, da formação de quadrilha, amplamente amparados e divulgados pela Operação Paradise e até expostos pelo delegado que estava a frente da ação, o prefeito seguramente disse que até hoje espera que comprovem de onde realmente aconteceu esses desvios, porque está tranquilo com relação as suas prestações de contas e não foi comprovado um centavo de desvio da sua gestão.

Nesse caso, somente a quebra do sigilo do inquérito policial da operação poderia trazer à tona a verdade para absorver ou punir possíveis culpados.

O prefeito falou que repassou para a diretoria do Araripina Futebol Clube (o Bode do Araripe) a quantia de R$ 350 mil nos anos de 2015 e 2016. Então não se cobrou a prestação de contas da diretoria e o clube segundo informações, tem dívidas trabalhistas de quase R$ 150 mil.

Ironizando o prefeito eleito sobre uma emenda que o mesmo disse ter conseguido para a construção da Ponte no Bairro Zé Martins, Alexandre diz desconhecer essa tal emenda e que até hoje não sabe o número da mesma.

Sobre o governo do Estado, o prefeito afirma que ele está está devendo muito ao povo do Araripe e que a deputada Roberta Arraes vai fazer exatamente essa cobrança a Paulo Câmara, porque para ele o Araripe está de certa forma abandonado.

Para concluir, o prefeito se gabou de ter realizado os melhores São João do Município sem problemas de gastos superfaturados e aprovado pelo TCE e, desafiou o próximo prefeito dizendo que quer participar de pelo menos três noites dos dez dias de festas prometidos por ele.  Sobre as contas aprovadas de 2013 e 2014, o prefeito usou o termo “vamos ver” para o que espera de 2015 e 2016, e se gabou de terminar a gestão sem nenhum processo administrativo e espera que vá até o final com isso, deixando uma lacuna de dúvida sobre o que pode acontecer com os dois anos que faltam para ter suas contas julgadas. Alexandre confidenciou que fez a tentativa de unir os grupos em torno de um único candidato para enfrentar Raimundo Pimentel e deixou escapar quem realmente apoaiva na campanha de 2016.

A primeira dama e futura deputada Roberta Arraes, acrescentou que a equipe de Alexandre Arraes era comprometida com o povo de Araripina.

Para finalizar, o prefeito lembrou das críticas que sofreu por ter colocado uma pessoa na pasta da saúde que não era de Araripina e que o novo governo que já se compõe com uma gestão compartilhada acredita que não existe gente competente no município para assumir os cargos.

Nesse quesito, nós que tanto criticamos o governo Alexandre Arraes, fomos perseguidos inclusive pela Secretária de Saúde, queimanos a língua.

Só nos resta agora torcer por uma Araripina melhor…

De luto Temer invade os lares brasileiros para desejar um feliz natal

Rejeitado nas pesquisas de opinião por nada menos que 77% dos brasileiros, Michel Temer invadiu os lares na noite de Natal, neste sábado 24, para se vangloriar do que fez.

Ele exaltou as medidas econômicas de seu governo, que segundo as pesquisas são criticadas por boa parcela da população, e para prometer que vai derrotar a crise em 2017.

Temer chamou de “necessárias” as reformas que retiram direitos dos trabalhadores e elogiou a reforma do ensino médio, que mobilizou estudantes em mais de mil instituições de ensino no País.

Para ele, “o Brasil está no caminho certo”. “2017 será o ano em que derrotaremos a crise. Os empresários voltarão a investir e recuperaremos os empregos perdidos”, prometeu.

Citado 43 vezes em delação da Odebrecht, além de seus ministros, ele simplesmente ignorou o tema corrupção em sua fala. Assista Aqui

 

Temer confirma discurso hoje no rádio e TV

O presidente Michel Temer fará neste sábado (24), véspera do Natal, um pronunciamento em cadeia rede nacional de rádio e televisão. De acordo com o Palácio do Planalto, a mensagem foi gravada nesta semana e irá ao ar por volta das 20h30.

O conteúdo exato do pronunciamento não foi confirmado pelo governo, mas o presidente deverá apresentar planos gerais para 2017 e abordar as medidas que sua equipe econômica está adotando para tentar resolver a crise financeira no País.

O objetivo do Planalto, segundo fontes ligadas ao governo, é evitar focar no baixo desempenho da economia e na queda dos indicadores econômicos e, ao mesmo tempo, tentar transmitir uma mensagem de otimismo. Esta é a segunda vez que Temer aparece em cadeia nacional. A primeira vez foi em 31 de agosto, dia do impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff.

Ainda sem agenda confirmada, Temer deverá passar a semana na capital federal, de onde sairá para o Rio de Janeiro. Ele passará o réveillon com a primeira-dama, Marcela Temer, e o filho do casal, Michelzinho, na Restinga de Marambaia, no Rio de Janeiro, onde se localiza o Centro de Adestramento da Ilha da Marambaia (Cadim) base da Marinha fixada ao sul da Baía de Sepetiba.

UFPE apura agressão de estudantes a professores

De acordo com a instituição de ensino, l fato aconteceu na sexta-feira (23), durante reunião realizada para discutir ajustes no calendário acadêmico.

Do G1 PE

A Reitoria da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) determinou, na sexta-feira (23), a abertura de um inquérito administrativo para apurar agressões sofridas por dois professores. O caso ocorreu durante sessão do Conselho Coordenador de Ensino, Pesquisa e Extensão (CCEPE) que tratou do ajuste do calendário acadêmico.

A informação sobre a iniciativa da reitoria está no site da UFPE. De acordo com a instituição de ensino superior, 13 estudantes que participaram das ocupações em prédios da instituição, encerradas na tarde de sexta, compareceram como convidados à reunião. Após o debate, foi aprovado, em votação, o reinício das aulas do segundo semestre de 2016 para o dia 9 de janeiro de 2017.

Os alunos, de acordo com a UFPE, discordaram do resultado do encontro. A universidade informou que eles se postaram na porta do auditório da reitoria, onde ocorria a reunião, para evitar a saída dos conselheiros.

Um dos professores tentou sair acabou sendo fisicamente agredido pelos estudantes. Segundo a UFPE, o fato provocou um tumulto. Outro docente interferiu e também sofreu agressão.

Além dos procedimentos administrativos, a Reitoria vai tomar as medidas judiciais cabíveis para evitar novos casos de ocupação de prédios da universidade.

Fim das ocupações
Os estudantes que ocupavam oito prédios da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) deixaram as unidades na sexta-feira. Segundo a assessoria da UFPE, os manifestantes cumpriram o acordo firmado com a reitoria da instituição na última quarta-feira (21). Segundo a assessoria da UFPE, uma vistoria está sendo feita nos prédios ao longo da tarde.

STF pede que Senado explique presente bilionário às teles

A presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Cármen Lúcia, pediu ao Senado Federal que explique a tramitação de projeto que altera a Lei Geral de Telecomunicações no prazo de dez dias. A advogada-geral da União, ministra Grace Maria Fernandes Mendonça, e o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), foram oficiados da decisão.

Em mensagem postada em uma rede social, a senadora Vanessa Grazziotin (PCdoB/AM) destacou que a decisão da ministra atendeu a pedido feito por ela e pelo senador Paulo Rocha (PT-PA) para suspender a tramitação do projeto que modifica a Lei Geral das Telecomunicações. A senadora enfatiza que, no despacho, a ministra pede explicações ao Senado pelo rápido andamento do Projeto de Lei da Câmara (PLC), “que seguiria para aprovação sem nenhuma votação em plenário”. “Com a decisão, o Senado Federal tem dez dias para se posicionar a respeito da matéria, que não poderá seguir imediatamente para a sanção do presidente Michel Temer (PMDB)”, destacou a senadora.

Na última quinta-feira (22), os senadores de oposição se reuniram com a presidente do Supremo para pedir urgência no julgamento da ação liminar na qual os parlamentares pretendem suspender a tramitação do projeto que muda a Lei Geral de Telecomunicações. A matéria foi aprovada no dia 6 de dezembro na Comissão Especial do Desenvolvimento Nacional do Senado. Antes de recorrer ao STF, os parlamentares protocolaram o mesmo recurso na Mesa Diretora do Senado.

De acordo com a senadora Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM), o texto deveria tramitar em pelos menos três comissões que envolvem a matéria e passar por votação no plenário. Para a senadora, o projeto de lei não foi levado ao plenário porque os defensores do texto “tiveram receio do debate para favorecer interesse de alguma empresa”.

A PLC 79/2016 dá posse definitiva às teles (Oi, Vivo, Claro, Algar e Sercomtel) de bens estimados entre 20 a 100 bilhões de reais pelo governo federal. Uma das principais alterações na Lei Geral de Telecomunicações é a que permite a adaptação da modalidade de outorga do serviço de telefonia fixa de concessão para autorização, mediante solicitação da concessionária. Segundo a proposta aprovada, a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) vai deliberar sobre o pedido mediante o cumprimento de requisitos específicos, como a garantia da prestação de serviço em áreas sem concorrência e a continuidade dos contratos já assumidos.

Entidades criticaram a falta de debate sobre mudanças nas telecomunicações. O Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor (Idec), a Associação Brasileira de Procons e outras 18 organizações civis assinaram uma nota de repúdio contra o ato da Mesa Diretora do Senado Federal que rejeitou recursos parlamentares que pediam a análise em plenário do projeto de lei. As organizações alegam que o projeto não foi discutido democraticamente no Senado e que manobras regimentais violaram direitos.

(Com Agência Brasil)