Movimentação financeira de ‘garçom do Lula’ foi 69 vezes superior aos seus rendimentos

Movimentação financeira de ‘garçom do Lula’ foi 69 vezes superior aos seus rendimentos

A movimentação financeira
do dono da Focal Confecção e Comunicação Visual – segunda maior fornecedora da
campanha de 2014 da presidente afastada Dilma Rousseff (PT) -, Carlos Roberto
Cortegoso, chegou a ser “69 vezes maior do que o valor dos seus
rendimentos declarados” à Receita Federal. Conhecido como o “garçom
do Lula”, o empresário de São Bernardo do Campo (SP) é investigado pela
Operação Custo Brasil por ter escoado pelo menos 309.000 reais da propina
desviada no Ministério do Planejamento na gestão de Paulo Bernardo.

“A movimentação de
Carlos Cortegoso chama a atenção por ser, em muitos casos 69 vezes maior do que
o valor de seus rendimentos declarados. Além disso, apresenta uma variação
patrimonial descoberta”, registra representação da Polícia Federal, nos
autos da Custo Brasil, feito com base na quebra do sigilo do investigado feita
pela Receita Federal. O documento mostra que nos anos de 2010, 2012, 2013 e
2014 a movimentação financeira de Cortegoso foi muito superior aos rendimentos
declarados. Leia mais>>>

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *