Morre, aos 76 anos, a cantora Aretha Franklin

Morre, aos 76 anos, a cantora Aretha Franklin, nesta quinta-feira (16/8), informou o agente da artista a veículos de imprensa americanos. No dia 13 de agosto, o jornalista e amigo da família Roger Friedman havia informado que a artista estava “gravemente doente“. A Rainha do Soul lutava contra um câncer desde 2010.

Trajetória
Nascida em Memphis, no estado norte-americano do Tennessee, em 1942, Aretha Franklin é filha de Barbara Siggers e do famoso pastor e ativista dos direitos civis no Estados Unidos Clarence LaVaughn Franklin. Com o apoio dos pais, a cantora lançou seu primeiro álbum, Songs of Faith, em 1956, quando tinha apenas 14 anos.

Desde então, são quase 62 anos de carreira, interrompidos apenas no início de 2018 por recomendações médicas. A última apresentação pública ocorreu em agosto de 2017. “Foi um espetáculo milagroso, pois Aretha já lutava contra a exaustão e a desidratação”, disse Friedman.

Em 1987, tornou-se a primeira mulher a fazer parte do Rock & Roll Hall of Fame, quando recebeu o apelido de Rainha do Soul. O repertório é composto por clássicos, como I Say A Little Prayer, Respect e You Make Me Feel Like. As faixas renderam a Aretha 18 estatuetas do Grammy.

Com esse feito, a artista tornou-se a segunda cantora a possuir mais prêmios do festival musical, atrás apenas de Alison Krauss. Ao todo, são 18 troféus competitivos e três honorários.

Em 1995, ela recebeu uma medalha do Kennedy Center, uma das mais prestigiadas instituições de arte do país. A artista foi incluída no UK Music Hall, em 2015, tornando-se a segunda artista feminina a conseguir tal honraria (a primeira havia sido Madonna).

Fonte: Metropoles